QUANDO TE ENCONTREI – Odair

Quando te encontrei
Estava tão triste e sem esperança
Que não notei
O brilho intenso de seu lindo olhar.
Sem saber que havia esperança
Continuei a sofrer
E ao coração dolorido
Não dei nenhuma esperança de amor.
Eu havia desistido da vida
E não encontrava mais saída.
Tudo era ilusão e angústia.
Seus olhos serenos
De um brilho tão intenso
Levou uma fagulha para o coração
Quando levantei o meu olhar
E os encontrei.
Mesmo que eu não acreditasse mais no amor
Seus olhos me revelaram
Uma nova razão para amar outra vez.
O medo de me entregar
E sofrer
Foi vencido pela magia deste olhar
Que me ensinou a acreditar
Que há esperança no amor.
Quando te encontrei
Não sabia que podia ser feliz outra vez.


Outros Posts:

26 / 09 / 2016 - QUANDO TE ENCONTREI – Odair

22 / 09 / 2016 - PRESENTE DE DEUS – Alexandre Magno

21 / 09 / 2016 - OS VERSOS QUE TE FIZ – Florbela Espanca

20 / 09 / 2016 - PARA O AMOR DA MINHA VIDA

19 / 09 / 2016 - O VERDADEIRO AMOR NÃO ACABA – Amanda Rodrigues

15 / 09 / 2016 - VOCÊ – Andre Aluizio

14 / 09 / 2016 - ESPEREI

13 / 09 / 2016 - PROCURAVA UMA ESTRELA – Soélis Sanches

12 / 09 / 2016 - DESTINADA – Mariana Siqueira

08 / 09 / 2016 - UNIÃO

Publicidade Externa Google