NOTÍCIAS / BRASIL

Bolsonaro assina MP que destina R$ 1,9 bilhões para produção de vacina contra a Covid-19

Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), em Manguinhos. Foto: Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro assinou no final da tarde desta quinta-feira (6) uma Medida Provisória (MP) que viabiliza financeiramente, por meio da liberação de R$ 1,9 bilhões, a produção de 100 milhões de doses da vacina contra o novo coronavírus. A vacina é desenvolvida pela Universidade de Oxford com a farmacêutica AstraZeneca. A Fiocruz é a responsável pela produção das substâncias no Brasil.

Da quantia total liberada, R$ 1,3 bilhão serão destinados para a AstraZeneca, R$ 522,1 milhões para a produção da vacina na Fiocruz/Bio-Manguinhos e R$ 95,6 milhões para que a Fiocruz tenha a tecnologia de desenvolvimento.

A abertura desse crédito extraordinário segue agora para análise do Congresso Nacional, que terá até 120 dias para aprová-lo. Por se tratar de uma medida provisória, o dinheiro fica liberado assim que o texto for publicado no “Diário Oficial da União”.

Como a vacina elaborada pela Universidade de Oxford ainda está em fase de testes, o Brasil assume parte dos riscos tecnológicos relativos ao desenvolvimento do produto. A expectativa do governo é que, caso a vacina em estudo seja eficaz, uma campanha de vacinação contra a Covid-19 possa ser realizada em 2021.

Leia também

às