NOTÍCIAS / ESPORTE

Funcionários da Vasco decretam greve

Sede do Vasco da Gama está fechada por causa de greve. Foto: divulgação

Rio de Janeiro – Por conta de salários atrasados, funcionários do Vasco da Gama iniciaram uma greve nesta quarta-feira (12). Os portões da sede em São Januário estão fechados e as luzes do complexo desligadas. Agora de manhã, os alunos do colégio que funciona no local foram dispensados.

Com apoio do filho do ex-presidente Eurico Miranda, o ‘Euriquinho’, o atual presidente do clube, Alexandre Campello, conseguiu reverter no conselho deliberativo a votação de uma suposta denúncia de má gestão fiscal.

Até o momento, ele não informou quando os salários vão ser pagos.

Leia também

às