NOTÍCIAS / GIRO CRISTãO

Crianças cristãs vendidas para ritual de sacrifício em Uganda

Centenas de crianças são sequestradas e assassinadas em Uganda. Foto: internet

 

Um relatório divulgado recentemente confirmou a prática de rituais de sacrifício humano em Uganda. Uma menina cristã de 13 anos e seu irmão de 11 foram sequestrados por uma muçulmana radical há dois anos e vendidos a um feiticeiro para um ritual de sacrifício. Depois de um tempo de investigação, as autoridades policiais descobriram que Sania Muhammad e duas outras mulheres, venderam as duas crianças ao feiticeiro em represália pela conversão de seu pai ao Cristianismo. A menina foi estuprada e o garoto morto em sacrifício. Tanto o feiticeiro quanto a mulher foram presos e aguardam julgamento.

Existem cerca de 3 milhões de “curandeiros” ou feiticeiros tradicionais em Uganda. Centenas de crianças ugandenses são sequestradas e assassinadas como parte de um lucrativo ‘mercado’ de sacrifícios humanos.

Leia também

às