NOTÍCIAS / GIRO CRISTãO

Polícia chinesa prende 200 cristãos

Polícia invadiu culto de aldeões no nordeste do país. Foto: Freepik

 

A polícia chinesa invadiu um culto de aldeões no nordeste do país e prendeu 200 cristãos. A alegação foi a de que a igreja se recusa a obedecer a uma doutrina teológica promovida por um órgão sancionado pelo Estado, e por isso, os cristãos foram detidos. Antes deste culto, os moradores locais avistaram um carro suspeito estacionado nas proximidades, que chegou de manhã bem cedo e só saiu tarde da noite. Os cristãos foram colocados em três grandes veículos e alguns em carros antes de serem levados embora. “Mesmo ao prender criminosos, nunca vimos tantos policiais”, disse um morador.

Apesar de a constituição da China garantir a liberdade de religião ou crença, o Estado oficialmente ateu é classificado entre os piores infratores da liberdade religiosa do mundo por grupos de direitos humanos.

Leia também

às