NOTÍCIAS / RJ

Acusados de agressão por médica no Grajaú fecham acordo com Ministério Público

Médica foi agredida por tentar acabar com evento batizado de 'Festa da Covid'. Foto: Reprodução/Redes Sociais

Rio de Janeiro – Os acusados de terem agredido a médica Ticyana D’Azambuja, no bairro do Grajaú, Zona Norte do Rio, pagarão uma multa de R$ 2.090,00 por terem participado de uma festa clandestina durante a pandemia da covid-19. O caso aconteceu em maio.

O grupo fechou um acordo com o Ministério Público.

O acerto também vale para outras quatro pessoas que estavam na festa, mas que não foram denunciadas pelas agressões.

Leia também

às