NOTÍCIAS / RJ

Prédio da Prefeitura de Guapimirim fica sem luz por causa de dívida

Técnicos da Enel descobriram ligação clandestina de energia no prédio da prefeitura. Foto: Reprodução

Guapimirim – Técnicos da concessionária Enel, responsável pelo fornecimento de energia na cidade de Guapimirim, na Baixada Fluminense descobriram uma ligação clandestina de energia no prédio onde funciona a sede da prefeitura do município. A ação contou com o apoio da polícia que esteve no local atendendo a um pedido da Enel, por conta de uma denúncia.

No local, após ser comprovado o “gato” de energia no imóvel, o administrador do prédio foi preso em flagrante pelos agentes da delegacia local. Ele vai responder por furto de energia elétrica.

No local, funciona algumas secretarias e o gabinete do prefeito Jocelino Pereira de Oliveira. Segundo a Enel, a dívida do poder municipal é de R$ 4 milhões nos últimos 90 dias.

A prefeitura de Guapimirim reconheceu a dívida com a empresa e informou que estuda junto a concessionária formas para negociar parcelas que venham resultar no pagamento dos débitos. Sobre a ligação clandestina, a prefeitura de Guapimirim informou que desde 2018 notificou a concessionária Enel, a respeito dos “gatos”, que já estavam no prédio antes do local ser usado como sede administração municipal. A energia foi religada nesta sexta-feira (10).

Leia também

às