NOTÍCIAS / RJ

Prefeitura do Rio alerta para que não haja corrida aos postos de vacinação

Prefeito Eduardo Paes anunciou o plano de vacinação. Divulgação/Prefeitura do Rio

 

Rio de Janeiro – A prefeitura do Rio anunciou o plano de vacinação da Covid-19 na cidade, e neste primeiro momento, serão vacinadas 110 mil pessoas. O prefeito Eduardo Paes e o secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz, fizeram um apelo para que, neste momento, a população não corra aos postos de saúde. Idosos que não moram em abrigos só serão vacinados quando um novo lote de vacina for aprovado e enviado ao Rio, o que ainda não tem data para acontecer.

A prioridade, neste momento, na capital fluminense, serão: profissionais de saúde da linha de frente da Covid-19, profissionais da saúde envolvidos na campanha de vacinação, trabalhadores de abrigos, idosos a partir de 60 anos que moram em instituições de longa permanência, pessoas com deficiência a partir de 18 anos moradoras de abrigos ou residências inclusivas e população indígena que vive em terra indígena.

Os profissionais da saúde serão vacinados no local de trabalho. Os outros integrantes dessa lista serão procurados pela prefeitura.

 

Leia também

às